Mestre Garrote

Música / Dor de escravo

Dor, era dor, foi tanta dor
Parecia até que ele ia morrer
Dor, era dor que maltratou
E o sofrimento ajudou ele crescer (Refrão)

Foi arrancado a força de suas terras
Onde foi rei respeitado e de valor
Foi jogado lá no fundo da senzala
Para servir a um branco senhor (era dor...)

Refrão

Trazido em um navio negreiro
Entre outros negros ele se amontoou
Lugar que não tinha ego nem vaidade
Onde a saudade quem lhe acompanhou (era dor...)

Refrão

No cativeiro falou o que pensava
Buscando a liberdade com fervor
infelizmente um capaz o espreitava
E no tronco sem dó lhe castigou (era dor...)

Refrão

Cuidando das feridas ele chorava
Um Preto Velho foi quem lhe consolou
Seu corpo foi a arma utilizada
E a capoeira foi quem o libertou. (era dor...)

Todos os direitos Reservados a Rádio Estação Capoeira.
Sistema criado por Webservic